Publicidade
Camaçarí / BA - 25 de Junho de 2022
Publicado em 09/04/2022 14h05

Câmara de Camaçari viabiliza reunião entre cadeirantes e STT

.
Por: Visão Diária Ascom

A Câmara de Camaçari está empenhada em atender reivindicações dos cadeirantes do município, que pedem maior fiscalização do serviço de transporte. Para isso, a Casa intermediou uma reunião entre representantes da categoria, representados pela União dos Deficientes de Camaçari (UDEC) e o superintendente da STT, Coronel Castro. O encontro aconteceu nesta sexta-feira (08/04), na Casa Legislativa, e foi mediado pelos vereadores Gilvan Souza (PSDB), Vavau (PSB) e Vaninho da Rádio (UNIÃO) 
 
Os cadeirantes alegam que os poucos ônibus que existem na cidade estão com os elevadores danificados, o que impossibilita o acesso deles aos veículos. Além disso, os ônibus que circulam na cidade não fazem linha nos bairros periféricos de Camaçari. "Essas foram algumas das demandas listadas pelos cadeirantes e nossa função aqui foi intermediar esse diálogo entre população e gestão municipal. Nessa pauta em específico, vimos urgência nessa intermediação e, por isso, corremos para que esse encontro acontecesse. Vamos seguir com essa agenda de discussões para garantir avanços positivos que resolvam de fato as questões do transporte da nossa cidade", pontuou o vereador Gilvan Souza (PSDB). 
 
Na oportunidade, Coronel Castro comprometeu-se a intensificar a fiscalização, colocando agentes nas garagens para garantir que os elevadores dos ônibus que saem das cooperativas estejam funcionando. "Ficamos também de fazer a contagem de quantos veículos possuem esses elevadores para cadeirantes, além de fazermos um levantamento de quantos cadeirantes existem na cidade, os bairros que moram e lugares que frequentam para fazer com que o serviço chegue de forma efetiva para essas pessoas", informou. 
 
Para a vice-presidente da UDEC, Sueli Fátima Souza, o encontro foi produtivo já que foram apresentadas algumas ações que podem contribuir para sanar o problema. "O problema do transporte público em Camaçari é crônico, toda a população sofre demais. Mas, os cadeirantes têm esse sofrimento ampliado, já que não contam com as ferramentas adequadas para que esses veículos possam transportar a gente com segurança e agilidade. Saio daqui satisfeita, pois vimos o interesse do órgão em fazer o serviço funcionar adequadamente. Vamos manter essa mesa de conversa para que possamos evoluir e resolver todas as demandas dos cadeirantes no que diz respeito ao transporte", afirmou. 
 
A próxima reunião está prevista para acontecer daqui a 15 dias, Câmara e STT estão em busca de dar celeridade na resolução do problema.
Publicidade

Comente essa notícia